Entrada > Notícias > Teatro no THSC

Teatro no THSC

ESMAE

Projeto dos alunos do Mestrado em Artes Cénicas, 4, 5 e 6 de maio


“Há toda uma geografia nas pessoas, com linhas duras, linhas flexíveis, linhas de fuga...

Só se descobrem mundos através de uma longa fuga quebrada.

Fugir não é exatamente viajar, nem mesmo mexer-se. As fugas podem fazer-se permanecendo no mesmo lugar.

Uma fuga é uma espécie de delírio”.

As narrativas que cada um constrói para si próprio são frequentemente bastante superficiais e sem grande densidade. Deixamos perderem-se num lugar desconhecido catadupas de sensações, pensamentos, perceções, afetos... Interessa-nos pesquisar sobre modos de revisitação destas diferentes memórias, o formato diário e o depósito sem fundo dos dias. A tarefa mais simples pode conter grande amplitude de variação e descoberta.

“Mais importante que as hereditariedades, as descendências, são as alianças, as misturas, os contágios, o vento”. Experimentar o cruzamento de narrativas, a baralhação, a colagem. Intercâmbios, mutações, à procura de novas intensidades. “Fazer do corpo uma potência que não se reduz ao organismo, fazer do pensamento uma potência que não se reduz à consciência.”


Teatro Helena Sá e Costa

4 e 5 de maio - 21h30

6 de maio - 16h00


Criação e Direção Artística

André Braga e Cláudia Figueiredo.

Assistência à Direção Artística

Paulo Mota

Interpretação e Cocriação:

Ana Mula, Gaëlle Hauger, Leonor Guise Carvalho, Maria Caetano Vilalobos, Paulo Mota, Pedro Domingos, Rolando Galhardas, Susana Brandão e Tanya Ruivo

Assistência a Cenografia e Figurinos:

Cláudia Ribeiro e Mariana Tudela

Som:

André Braga em colaboração com Marco Ferreira (THSC) 

Luz:

André Braga em colaboração com Pedro Abreu (THSC)

Produção:

Susana Brandão

Apoio à produção:

Leonor Guise Carvalho


Autor

antoniogorgal@esmae.ipp.pt

Partilhar