Entrada > CV - Dir > Diogo Leichsenring Franco

Diogo Leichsenring Franco

Nascido no Porto a 1 de março de 1972, Diogo Leichsenring Franco concluiu o 12º ano no Colégio Alemão do Porto em 1990. Frequentou o Curso de Engenharia Civil na FEUP até 1996 e em 1997 finalizou o Curso Complementar de Piano no Conservatório de Música do Porto com 17 valores. Em 1994 frequentou os Cursos de Sampling e de Sequenciadores e Síntese de Som (JMP), em Lisboa, sob orientação de António Sousa Dias, Miguel Azguime, Paulo Jorge e Eduardo Vaz Palma. Em 2001 licenciou-se com 17 valores em Produção e Tecnologias da Música na ESMAE.

Participou na EXPO’98 em Lisboa como técnico de som assistente em mais de 120 espetáculos. Concluiu os Cursos de Desenho de Sistemas de Sonorização (2009) e Portable System Deployment (2019), orientados por Mauricio Ramírez (Meyer Sound). Em 2009 obteve 17 valores na parte curricular do Curso de Mestrado em Multimédia-Música Interativa e Design de Som, na FEUP. Apresentou um artigo científico no Challenges 2009 na Universidade do Minho. Em 2015 obteve o Título de Especialista na área de Teatro pelos Institutos Politécnicos do Porto, Bragança e Lisboa, e em 2018 concluiu com 16 valores o Doutoramento em Ciência e Tecnologia das Artes-Arte Interativa, na Escola das Artes (UCP).

Participou de 1983 a 1997 em concursos, concertos e audições, salientando-se o 1º Prémio no Concurso JMP de 1988 a nível regional e o 3º Prémio a nível nacional, na classe de piano. De 1986 a 1997 foi produtor artístico, teclista e vocalista do grupo de música pop-rock Sexo-O-Posto. Começou a lecionar Acústica Musical na Escola de Música do Porto em 1990, depois na Escola Profissional de Música do Porto, na Academia de Música de Barcelos e na Escola Profissional de Música de Espinho, onde foi membro do Conselho Pedagógico, Coordenador e Orientador de PAP. É docente do Curso de Luz e Som na ESMAE desde 2001, coordenando-o desde 2018. Iniciou o seu percurso como desenhador e técnico de som em 1997, perfazendo mais de 1000 espetáculos.